• Cabala News

O Chassidismo

Chassidut (ou, “Chassidus”), atualmente, se refere a uma corrente específica do judaísmo.


O Chassidismo é um movimento que foi fundado pelo Rabino Yisrael Baal Shem Tov (1698-1760 e.c) e sua finalidade era despertar o povo judeu ao seu próprio interior, através do estudo profundo da Torá, explorando as dimensões da criação e do Criador, preparando assim, o caminho para a vinda do Mashiach (Messias). Esta, ensina a enxergar a alma (ou a parte espiritual) do mundo, ao invés de seu corpo dando ênfase a busca pela essência interior e nãos as manifestações externas.


A Chassidut é baseada na antiga tradição da Cabalá e confere uma nova interpretação do serviço divino simples e com alegria, particularmente através da oração e dos atos de bondade. Usa, também, a própria experiência do indivíduo como um modelo alegórico para a compreensão dos mistérios mais profundos do universo, simplificando os ensinamentos da Torá e tornando-os mais acessíveis. Assim, o Chassidismo permitiu que a Torá e seus profundos ensinamentos pudessem ser estudados e revelados por todos os judeus, mesmo aqueles mais simples que não tinham tanto conhecimento.


O termo deriva da palavra Chessed, comumente traduzido como “benevolência”, mas que também pode significar bondade, amor e comportamento misericordioso. O “Chassid” seria, portanto, a pessoa que, normalmente, pratica uma bondade maior do que aquela que lhe é exigida, sempre, dentro dos limites da Lei Judaica. Os discípulos do Baal Shem Tov ao se autodenominarem “Chassidim”, popularizaram o termo e, hoje, os termos, são, geralmente, relacionados as diferentes correntes que seguiram a linha dos ensinamentos do Rabino Baal Shem Tov, sendo a “Chassidut”, a corrente chasídica e o “Chasid”, o discípulo, ou seguidor, de determinada corrente.

7 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2019 por CabalaNews. Orgulhosamente criado com Wix.com