• Cabala News

As 42 Jornadas

por Fernando Martins


A Energia da Criação

A porção Masei descreve as 42 jornadas que levaram os povos até a Terra Prometida, onde iniciaram o processo de correção (tikun) que nos conduzirá à Correção Final.


O mundo foi criado com o poder das 42 letras oculto nas primeiras 42 letras do Gênesis. É impossível explicar o método para quem não fale hebraico, e que não tenha conhecimentos de Cabalá e Gematria. Essas primeiras letras do Gênesis são a fonte da prece Ana Bechoach, atribuída ao Rabino Nechunia ben Hakaná. Ele afirma que o mundo foi criado com a força das permutações do Nome Sagrado (o Tetragrama) e do nome de 42 letras, o Ana Bechoach.


As 42 jornadas descritas na porção de Masei levaram os israelitas (e outros 69 povos) até a Terra Prometida, onde iniciaram o processo de correção que nos levará até a Redenção Final.


O mundo foi criado com o poder das 42 letras ocultas nas primeiras 42 letras da Torá: “No princípio, Elohim criou os céus e a terra. A terra era vazia e sem forma...” (Gênesis 1:1,2) As primeiras 6 letras do Ana Bechoach são “אבגיתץ” e estabelecem o código interior oculto na palavra ‘bereshit’ בראשית,” ‘No princípio’. אבגיתץ (Alef, Beth, Guímel, Iud, Taf, Tzadi) possuem o valor numerico de 506, que é igual ao de “אהבת־חנם”, ’Amor Incondicional’.


A primeira lição do Ana Bechoach é que podemos criar nossos anjos e nosso mundo sob a energia do amor incondicional, pois ele foi criado com o amor incondicional do Criador. É preciso imprimir à todas as nossas ações o aspecto do amor sem nenhum motivo


Devemos anular a nós mesmos em todas as ações, para estabelecer uma força criativa que nos ajude. Como em todas as coisas, o início é intimamente ligado ao fim, pois sempre precisamos ‘começar tendo em mente o fim’. Pensamentos positivos no início sempre produzem bons resultados.


Podemos encontrar o mesmo aspecto na última linha do Ana Bechoach.


Acima dos Astros

Esses são alguns dos motivos pelos quais os cabalistas consideram o Ana Bechoach, como a oração mais ‘poderosa’, pois traz em sua revelação a energia inicial da Criação. Praticada constantemente, traz o poder de nos elevar ‘acima do destino escrito nos astros’, e permite que nos tornemos Senhores de nosso próprio destino.


Nossas almas vêm ao mundo físico para realizar uma correção, uma autotransformação interna que em essência, é a missão que viemos realizar no mundo da matéria. Isso não será alterado, pois cada um tem sua própria correção pessoal, contudo, usando as ferramentas que a Cabalá nos oferece, podemos escolher nosso caminho.


Cabe lembrar, que a felicidade, o prazer e a realização (bem como a tristeza, o sofrimento e a frustração) só podem ser experimentadas no momento presente, aqui e agora.


Sendo assim, não devemos colocar nossa felicidade no futuro, que pode não acontecer, e sim no prazer sentido quando percorremos o caminho certo, sempre repleto de milagres que muitas vezes, não percebemos.


Assim, nos tornamos donos de nosso próprio destino.


7 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2019 por CabalaNews. Orgulhosamente criado com Wix.com